quinta-feira, 8 de março de 2012

(Nem tão) Felizes pra sempre – assunto da noite: Paloma, a cachorrinha


Numa quarta-feira, 72,7% das brigas de um casal que não tem filhos são motivadas pela cachorrinha dela. E os outros 27,3% por uma palavra de três sílabas odiada por todas as mulheres do mundo: fu-te-bol.

- Amor?
- Oi!
- Onde você tá?
- Dirigindo!
- Já tá voltando pra casa?
- Hoje é quarta, né, meu bem?!
- E o que tem quarta?
- Futebol!
- Ahhh...
- Por quê?
- Por nada... Quem é que tá aí com você?
- Ninguém!
- Ninguém nada! Tô ouvindo uma voz!
- Ah, é o Efra!
- Efra?
- É... O Efraim, lá do escritório!
- E o que ele tá fazendo aí?
- Ele vai jogar futebol comigo!
- Futebol mesmo?
- Não. Vamos jogar dama na praça!... Claro que é futebol! Por que eu mentiria?
- Ah, sei lá! E tem mais: para de ser irônico. Sabe que eu não gosto.
- Tá bom, tá bom...
- …
- Mas por que me ligou?
- Então... Que horas começa o futebol?
- Daqui a pouco. Já estou atrasado até.
- Deixa eu falar: não dá pra você passar lá no Pet pra pegar a Paloma?
- Até daria, mas onde eu vou deixar ela? Amarrada na trave?
- Não. Traria aqui pra casa, né?
- E eu perderia o futebol? Sem chances!
- Por que eu não tenho prioridade na sua vida?
- Você tem. É a Paloma que não!
- Que saco!
- …
- …
- Por que não vai lá você?
- Porque é longe! E perigoso também.
- Amanhã a gente pega ela lá, vai.
- E quem vai pagar a estadia dela lá?
- Se o problema for esse, eu pago!
- …
- …
- Vou sentir falta dela!
- Ah, sem tempestade, vai! Uma noite só não vai matar ninguém!
- Por que você é assim?
- Assim...?
- Insensível!
- Meu amor, estou falando de uma noite só! Não vai acontecer nada.
- Você garante?
- O Efra garante! Ele tá me dizendo aqui...
- Ah, manda esse Efra tomar no...
- Olha, olha!
- Tá bom, mas veja só: pode acontecer um incêndio no Pet e ela morrer...
- … Queimada? Sim, pode acontecer! Mas a chance é mínima. Não sou matemático, mas é quase uma em um milhão... Ou uma em cem mil, talvez!
- Viu?
- O quê?
- Diminuíram as possibilidades!
- Sem contas a essa altura do campeonato, por favor!
- Insensível!
- E sem falar que sou insensível também!
- …
- Meu bem, preciso desligar. A bateria do meu celular está aca...

--------------------------------

Ele (por ela)
Preguiçoso e companheiro. Desleixado e atencioso. De poucas e certeiras palavras. Sincero e confuso. Grosso e carinhoso. Grande coração e frio como um frigorífico. Vivo e ausente. Irônico e o meu grande amor!



Ela (por ele)
É a mulher que escolhi para ficar o resto de minha vida, mas tem hora... Que pelo amor de Deus, viu?!

Um comentário:

  1. hahaha
    muito bom! parece que todo casal é mesmo meio parecido...

    ResponderExcluir