sábado, 25 de fevereiro de 2012

ao redor

Eu sempre estive aqui,
ao lado,
e você nunca reparou no meu coração
disposto a amar,
nunca viu que pela estrada eu poderia,
com você,
andar,
e jamais percebeu os meus braços,
sempre abertos,
para te abraçar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário