quinta-feira, 20 de outubro de 2011

à minha falta


Minha saudade é tão intensa
que não consigo distinguir
do que e de quem sinto falta.

Não sei se são dos dias que não acontecem mais,
das pessoas que já viraram a esquina da vida,
dos momentos,
ou dos sentimentos hoje confusos e perdidos.

Um comentário: