sábado, 28 de maio de 2011

verdade

Pra quem duvida da verdade, aí vai: ela existe. E costuma chegar sempre à noite, fazendo barulho, zombando do silêncio e dando tapas na cara daquele que, um dia, achou que ela nunca existiu.

Nenhum comentário:

Postar um comentário