quarta-feira, 15 de outubro de 2008

amor à toa

Um amor à toa,
assim,
numa boa,
daqueles simples,
de beijos acalorados,
olhar único
e abraços apertados...
Um amor à noite
ou de dia, quem sabe,
sentimento forte,
de rima e arte...
Um amor para não se sentir só,
mas se não tiver jeito,
não fique com dó
e deixe que pela vida
eu vou na boa...
Afinal,
eu só queria um amor à toa.

2 comentários: